Antigamente, a gente não se preocupava tanto com o tamanho e o peso das malas na hora de pegar a estrada. Hoje, as coisas mudaram um pouquinho: estamos viajando cada vez mais leves, buscando levar apenas bagagem de mão - um pouco para facilitar a viagem, outro pouco para economizar mesmo.
Ao aproveitar uma oferta de passagem aérea, o viajante tem que ficar atento às regras de bagagem daquela companhia. O volume e o peso das malas permitidas dependem da companhia aérea, do tipo de voo (nacional ou internacional) ou da categoria do bilhete comprado (econômico, promocional, primeira classe…). 
 
Mala de mão
Desde maio de 2019, os viajantes têm que ficar mais atentos ao tamanho da bagagem de mão, já que na maioria dos aeroportos brasileiros as bagagens que estiverem fora do padrão devem ser despachadas e, consequentemente, taxadas. As regras adotadas pela Abear, associação que reúne as empresas aéreas brasileiras, determinam que a mala de mão não pode pesar mais que 10 quilos e nem ser maior que 35 x 25 x 55 cm (comprimento x largura x altura). 
 
 
Bagagem despachada 
 
A companhias aéreas estão autorizadas a cobrar por bagagem despachada desde 2017, por isso desde aquela época, as empresas começaram a criar diversas categorias. Na grande maioria das vezes, a principal diferença é o volume ou peso da bagagem incluída na tarifa. De uma forma geral, as passagens mais baratas são aquelas que não incluem bagagem.   
 
Como saber se minha passagem inclui bagagem no Viajala
 
No Viajala, você fica sabendo se a oferta inclui mala despachada, além de poder adicioná-la se desejar. Ao selecionar uma passagem, você vai ver que ao lado direito, próximo ao valor, vão estar desenhadas duas maletas, que representam as condições de bagagem. Quando a figura está realçada significa que a tarifa inclui aquele tipo de bagagem (mão ou porão). 
 
Neste voo, a oferta inclui apenas mala de mão, já que só a maleta pequena está realçada. 
 
 
Para saber quanto ficaria incluir uma bagagem de porão, basta ir à seção "Bagagem"
 
 
Adicionar uma bagagem para despachar
 
 
Os resultados serão atualizados e um novo preço é apresentado  
 
 
O Viajala compara os preços das companhias incluindo a bagagem, para que o viajante saiba o preço médio de incluir uma mala despachada e decida qual é a opção mais vantajosa. Porém, quando o usuário for comprar as passagens, a seleção da bagagem deverá ser refeita na página da companhia ou agência de viagem e poderá haver uma diferença no valor.
 
Balcão X online
 
Vamos supor que você optou por uma tarifa mais barata, que não incluía bagagem. Porém, depois de um certo tempo, percebeu que só a bagagem de mão não seria suficiente. A dica é não deixar para pagar pela mala extra no aeroporto. As companhias possuem, no geral, tarifas mais baratas para a reserva de bagagem antecipada. No aeroporto, a cobrança chega a ser 200% maior que pela internet, seja no momento da compra do bilhete ou mesmo na hora de fazer o check-in online. 
 
 
Mala adicional X excesso de bagagem 
 
A mala adicional tem a ver com o número de bagagens que você transporta: por exemplo, sua passagem dava direito a uma bagagem despachada, mas você vai querer levar mais uma. Essa bagagem extra é considerada uma mala adicional.
Normalmente bem mais caro, o excesso de bagagem está relacionado ao peso carregado em uma mala. Vamos supor que sua tarifa dê direito a duas malas de 23 quilos e você está levando apenas uma de 25 quilos. Mesmo você tendo usado apenas parte da sua franquia, esses dois quilos a mais são considerados excesso de peso e poderão ser cobrados pela companhia aérea. Neste caso, seria melhor dividir os 25 quilos em duas malas diferentes, de 12,5 quilos cada.